NOTÍCIAS

Confira 5 rótulos para degustar no Mondial de la Bière, que começa em SP

03/06/2019 Fonte: Folha de S. Paulo

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

Evento na Vila Leopoldina traz sugestões de 70 cervejarias

Criado no Canadá, e já figurinha fácil do calendário do Rio de Janeiro, o Mondial de la Bière chega a sua segunda edição paulista a partir desta quinta (30). E isso não é tudo, até sexta (31) ainda temos por aqui a Brasil Brau, evento mais voltado à tecnologia e novidades do setor, ideal para quem deseja entrar no ramo cervejeiro.

A coincidência (ou não) dos dois eventos obrigou inclusive uma mudança de endereço. Depois de ter sua primeira edição no São Paulo Expo (que está abrigando a Brasil Brau), o Mondial agora se mudou para a Arca, na Vila Leopoldina.

A julgar pelo número de expositores, a nova sede não fica devendo. São cerca de 70 cervejarias, cada uma com vários rótulos, número um pouco superior ao de 2018 (66). Se no Rio reinam as marcas cariocas, por aqui, quem mandam são os paulistas. São 26 cervejarias paulistas contra sete do Rio. Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina fecham o pódio com cinco, cada um. Ao todo, sete estados estão representados. Além deles, honrando o nome ‘mondial’, temos cervejas da Bélgica (com nove marcas), Alemanha, Áustria, Holanda, Inglaterra, República Checa e Estados Unidos.

Um concurso elege ainda hoje as melhores cervejas do evento. Mas já anote cinco rótulos de estandes que merecem sua visita, sem ordem de preferência:

1 - Capuccino Vanilla Porter, da Fat Bull

Escura e cremosa, o rótulo da boa cervejaria de Novo Hamburgo (RS) é também uma boa dica para o friozinho que está chegando. Com 5% de teor alcoólico, a cerveja tem notas de café e adição de baunilha de Madagascar

2 - Adrenaline Energy Beer, da Doktor Bräu

A cervejaria que nasceu no interior de São Paulo e se mudou para Minas Gerais leva oito rótulos ao Mondial, incluindo a Adrenaline, uma double New England IPA (ou juicy IPA), com café sem torra e pó de guaraná na fórmula

3 - Pinot Noir + Sauvignon Blanc Brut Ipa, da Bodebrown

A cervejaria paranaense é uma das mais premiadas do Brasil e normalmente tem os estandes mais lotados nos festivais. Muito por conta de suas inventivas criações, como esse rótulo como nome de vinho, que usa mosto de duas uvas. No evento, ainda traz outros dois rótulos com mosto de uvas

4 - First Steps, da UX Brew

O evento também é uma oportunidade para experimentar novas marcas, como a UX Brew, da Startup Brewing Co. (que também tem a Unicorn). Esse rótulo da UX Brew é uma New England IPA feita com três lúpulos (Citra, Ella e Mosaic) e adição de coco que resultam numa cerveja clara e com 8% de teor alcoólico

5 - Psidium Punch, da Dádiva

Essa é uma das que este humilde e guloso jornalista ficou mais interessado. Uma Milkshake IPA, com lactose e goiaba. Além da curiosa fórmula, ela tem a participação do papa cervejeiro Randy Mosher, americano que está no Brasil para o Brasil Brau e o Mondial, onde colabora em outros quatro rótulos. Mosher também lança no país a versão em português de “Radical Brewing”, que tem como subtítulo “Receitas, Contos e Ideias Transformadoras em um Copo de Cerveja”.

Arca - Av. Manuel Bandeira, 360, Vila Leopoldina, região oeste. 7.000 pessoas. Qui. (30) e sex. (31): 17h às 24h. Sáb. (1º): 14h às 24h. Dom. (2): 14h às 22h. 18 anos. Ingr. p/ mondialdelabieresp.byinti.com. Ingr. (2º lote): R$ 100 a R$ 120. Doando um quilo de alimento não perecível: R$ 55 a R$ 66.

Leia também

USE AS TAGS #MONDIALDELABIÈRESP E #MONDIALDELABIÈRESPEUVOU E COMPARTILHE SEU AMOR POR CERVEJAS ARTESANAIS.

FAGGA EVENTOS – CNPJ 05.494.572/0001-98