NOTÍCIAS

Mondial de la Bière volta a São Paulo com muitas novidades (SP)

03/06/2019 Fonte: Homem Cerveja

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

Entre 30 de maio e 2 de junho, o Mondial de la Bière retorna a São Paulo, para sua segunda edição na cidade. O local escolhido desta vez é o espaço Arca. A organização espera um fluxo de 15 mil pessoas circulando pela Arca, antiga metalúrgica na Vila Leopoldina. Nove mil metros quadrados serão palco para as mais de 70 cervejarias expositoras apresentarem seus rótulos além de outras manifestações artesanais.

Nesta edição, a cerveja passa a ser a anfitriã da festa que, pela primeira vez, terá uma área craft denominada Mondial Craft Village, e apresentará outros produtos artesanais escolhidos pela qualidade de suas criações. Os visitantes poderão adquirir as mercadorias para consumo no evento ou levá-los para casa e prolongar a experiência. Alho Negro do Sítio, Amázzoni Gin, Kiro, Café Orfeu, Cancian, Khappy Kombucha, Queijaria e Parm Alimentos já confirmaram presença.

Outra novidade é a Vila dos Botecos, espaço onde os principais botequins da cidade se encontram. Com curadoria da Sociedade Paulista de Cultura de Boteco, já estão confirmados a Rota do Acarajé, Cariri, Carlinhos Restaurante e Piovanelli.

Em parceria com o time do portal Bares SP, uma rota com os 60 principais estabelecimentos da cidade foi criada, o Circuito Mondial de Bares. Além disso, oito bares foram selecionados para serem pontos de venda de ingressos para o festival sem taxa de conveniência: Capitão Barley, Bar do Urso – Butantã, Armazém Entretenimento, Bardassê, Chopperia São Paulo, Frangó, Guilhotina e Soul Botequim.

A dois dias da abertura do Mondial de la Bière, são mais de 70 cervejarias confirmadas: 1795, Quatro Graus, Ampolis, Antuérpia, Ashby, Avós, Baden Baden, Barista, Berggren, Bier & Wein, Black Princess, Blondine, Bodebrown, Boon, Bosteels, Bourgogne des Flandres, Boxer do Brasil, Brooklyn Brewery, Brotas Beer, Cerveja Madalena, Capa Preta, Cerveja Blumenau, Brouwerij Timmermans, Brouwerij Van Honsebrouck, Cervejaria Dilema, Colorado, Corsendonk, Cozalinda, Croma, Cuvée du Chateau, Dádiva, Databier, DeBron, Dogma, Doktor Bräu, Du Bocq, DuPappi, Eggenberg, Eisenbahn, Fabrica 75, Farrapos, Fat Bull, Filou, Flandres, Fuller’s, Furst Wallerstein Brauhaus, Halve Maan, Hettwer Bier, Hocus Pocus, Hofbräu München, Hofbrauhaus, Hoplab, Imigração, Júpiter, Infected Brewing, John Martin’s, Juan Caloto, Konig Ludwig, Krug Bier, La Binchoise, La Trappe, Les 3 Fourquets, Los Compadres, Lupulus, Maniacs, Meara, Nova Paka Brewery, Octopus, Opera, Paulaner, Paulistânia, Praga, Pratinha Brewery, Red Fox, Ravache, Rodenbach, Schornstein, Roleta Russa, Seasons, St Patrick’s Beer, Startup Brewing, Tarantino, Tempelier, Three Monkeys, Timmermans, Trilha, Unicorn, Ux Brew, Wals e Warsteiner.

A aposta desta edição fica com os rótulos que seguem a tendência dos sabores ácidos, como as Sour, consagradas em 2018 com a Catharina Sour, e as Gose, salgadas e ao mesmo tempo azedas – salgadas através da adição de sal, e azedas graças à adição de bactérias lácticas.

Os expositores podem inscrever seus rótulos no MBeer Contest Brazil, uma competição com avaliação baseada nas qualidades intrínsecas da cerveja. Sem categorias pré-definidas por estilo, os juízes – que farão as degustações às cegas, sem qualquer informação sobre o produto, identificarão o estilo da cerveja e a avaliarão de acordo com o estilo identificado. Um júri composto por profissionais nacionais e internacionais selecionarão os melhores nas categorias ouro e platina e a premiação se acontecerá no primeiro dia de Mondial de la Bière (30/05 às 22h). Os visitantes também poderão votar nas cervejas que mais gostaram do festival no MBeer Contest Público.

Grande atração desta edição será o veterano mestre da ciência cervejeira e premiado cervejeiro de Chicago, Randy Mosher – expert nas regras da fabricação da bebida, de quando as seguir ou as quebrar. Autor de The Brewers Companion, colunista homebrewing de All About Beer, colaborador regular de Zymurgy (o Jornal da American Homebrewers Association) e palestrante, ainda é membro do conselho de diretores da American Homebrewers Association e da Chicago Beer Society. Mosher vem ao Brasil para participar da Brasil Brau e do Mondial de la Bière SP, que acontecem pela primeira vez na mesma semana, batizada de semana “Do Campo ao Copo”.

Na Brasil Brau, evento destinado a negócios em torno da cerveja, Randy Mosher dará uma palestra intitulada “Um Gole de Cerveja Radical”, marcada para a próxima quinta-feira, dia 30 de maio, integrando o XVI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia Cervejeira. Já no Mondial de la Bière, um estande chamado Radical Brewing by Mondial, além de vender o livro “Radical Brewing”, também irá expor os cinco rótulos colaborativos entre Mosher e algumas cervejarias:

Cervejaria Tarantino (São Paulo, SP):
Catharina Sour com jabuticaba e cambuci
ABV: 4,5%
IBU: 5
OBS.: Esta será a cerveja oficial da Brasil Brau.

Cervejaria Dádiva (Várzea Paulista, SP):
Milkshake IPA com goiaba
ABV: 6,2%
IBU: 40 (estimado)

Way Beer (Pinhais, PR):
Imperial Porter com sementes* brasileiras
ABV: 11,6%
IBU: 85
*ainda não foram confirmadas porque serão adicionadas apenas no fim do processo produtivo

Cervejaria Noi (Niterói, RJ):
Lichtenhainer (estilo histórico alemão) com pimenta biquinho
ABV: 3,0%
IBU: 8

Cervejaria 4 Árvores (Porto Alegre, RS):
Gose com maçã
ABV: 6,0%
IBU: 10

Todo o processo de colaboração entre Mosher e as cervejarias foi intermediado pela Editora Krater e pelo Festival da Cerveja POA.

O Brasil é o primeiro país a ter duas edições por ano do Mondial de la Bière, que em 2018 estreou em São Paulo, com sucesso de público e expositores, confirmando que o mercado cervejeiro no Brasil está cada vez mais forte, e que os cervejeiros vêm aumentando seu número.

Visando comodidade e conforto aos visitantes, a organização disponibilizará transporte circular gratuito durante os quatro dias de evento saindo de hora em hora no trajeto Arca x Metrô Pinheiros, levando e buscando os cervejeiros para aproveitarem a maior invasão cervejeira da cidade! O transfer circular terá início uma hora antes da abertura do evento e se encerra junto com o mesmo.

O Mondial de la Bière apoia a Lei Seca e adverte aos visitantes que utilizem o transporte público.

Programação*:

Palco Mondial: 19h30 – Monoclub | 21h00 – Classic Zoom | 22h00 – Mbeer Contest Brazil l 22h30 – DJ set Pancho Trackman.

Mondial Arena: 19h – “Cerveja Artesanal da Fazenda” com Fabrício Almeida e Júnia Falcão, sócios da Zalaz| 19h45 – “A Criatividade no Craft Brewing” com Leonardo Sewald, mestre-cervejeiro e sócio fundador da cervejaria Seasons.

Palco Mondial: 19h – O Espelho do Zé | 20h – DJ set | 21h – Red Hot Chili Peppers Cover Genérico | 22h30 – Facção Caipira.

Mondial Arena: 19h – “O Pequeno Empreendedor Como Agente da Mudança Artesanal” com Leonardo Satt, sócio fundador da cervejaria Dogma | 19h45 – “#AREVOLUCAOACABOUDECOMECAR” com Arturo Isola, fundador e CEO da Amázzoni Gin.

Palco Mondial: 18h – Baile do Zen | 20h – Manni canta Amy & 27’s Club | 21h – DJ set | 22h30 – Tchopu.

Mondial Arena: 15h – “Artesanal: Sabor e Saber” com Lee Wang, sócio-fundador da Kiro.

Atendendo a pedidos, a final da UEFA Champions League será transmitida em telão no Mondial de la Bière São Paulo, via Facebook Watch, a título de cortesia pela GL Events Exhibitions. Palco Mondial: 18h – Trinca Acústica | 19h – DJ set | 20h – Tailten | 21h – DJ set.

Mondial Arena: 15h – “Processos e Produção: O Que É Ser Artesanal?” com Luiz Nascimento, sócio dos bares H. Gin Bar e Volátil, Mestre Destilador da The Lab Spirits e Cervejeiro da Cervejaria Canoa | 15h45 – “Cervejas no Brasil: Artesanais e a Indicação Geográfica” com Guilherme Fracarolli, engenheiro agrônomo.

*A programação está sujeita a alterações sem aviso prévio.

Sobre o Mondial de la Bière – Realizado anualmente em Montreal, no Canadá, e em Mulhouse, na França, o Mondial de la Bière é um dos principais eventos de cervejas artesanais do mundo e reúne entretenimento e degustação. Ele é considerado a porta de entrada para muitas indústrias de cervejas estrangeiras nos países de realização. No Brasil, o Mondial de la Bière é promovido e organizado pela GL Events Exhibitions.

Sobre a GL Events Exhibitions – Com escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, a GL Events Exhibitions é uma das maiores empresas em promoção e organização de feiras do país, responsável pela realização de mais de 20 eventos anuais. Subsidiária da operação brasileira do grupo GL Events, uma das maiores empresas mundiais do ramo de eventos.

Serviço:
Data: 30 de maio a 2 de junho de 2019.
Horário: 30 e 31 de maio: 17h à 0h | 1º de junho: 14h à 0h | 2 de junho: 14h às 22h.
Local: Arca – Avenida Manuel Bandeira, 360 – Vila Leopoldina – São Paulo.
Ingressos: https://mondialdelabieresp.byinti.com/
Preço: entre R$ 40,00 e R$ 140,00.
Serviço Brasil Brau – XV Feira Internacional de Tecnologia em Cerveja
Data: 28 a 30 de maio de 2019
Local: São Paulo Expo Exhibition&Convention Center
Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5 – São Paulo – SP – Brasil
Brasil Brau – R$ 120, por dia
Para mais informações acesse: www.brasilbrau.com.br

Leia também

USE AS TAGS #MONDIALDELABIÈRESP E #MONDIALDELABIÈRESPEUVOU E COMPARTILHE SEU AMOR POR CERVEJAS ARTESANAIS.

FAGGA EVENTOS – CNPJ 05.494.572/0001-98